Concertos celebram o Dia Internacional do Rock

Google+PinterestLinkedInTumblr+

Em “Rock Brasilis”, na Fundec, a Orquestra Filarmônica Jovem de Sorocaba (Fila) revisita o rock nacional

Para celebrar o Dia Internacional do Rock, comemorado em 13 de julho, a Orquestra Filarmônica Jovem de Sorocaba (Fila) faz dois concertos, neste final de semana, para celebrar o gênero. O show, intitulado “Rock Brasilis”, que revisita um consagrado repertório do rock nacional, acontece sábado (13), às 20h, e domingo (14), às 19h, na Sala Fundec, e terá como convidada especial a Banda Badini, uma das mais tradicionais bandas de bailes, casamentos e eventos da região.

As apresentações juntarão o som da orquestra com a densidade da banda para homenagear nomes do rock brasileiro, que vão desde Roberto e Erasmo Carlos, com “Calhambeque” e “Quero que vá tudo pro inferno”, a Legião Urbana, com “Que país é esse?” e “Tempo perdido”, passando por Raul Seixas, com “Metamorfose ambulante”.

Os arranjos musicais do espetáculo, de autoria do maestro da Fila, Denis Vieira, buscam valorizar a riqueza de sons dos instrumentos de uma orquestra composta por 60 músicos, somando a estes a sonoridade da banda, formada por guitarra, contrabaixo elétrico, bateria e voz, de maneira a criar uma sinergia única deste novo grupo. “É um desafio muito grande para o arranjador unir instrumentos com características tão diferentes e que, ao tocarem, também possuem hábitos e formas diferentes de encarar a música. Mas não podemos nos esquecer que a música é uma linguagem universal, que une as pessoas e, assim, com muito trabalho, vamos apresentar um espetáculo harmônico e grandioso, unindo o clássico ao moderno; o tradicional ao moderno, enfim, uma forma vanguardista de se produzir música”, destaca.

A Fila foi criada e é mantida pela Associação de Eventos Culturais (Assec) e, desde 1996, é uma das referências da produção musical e do trabalho com jovens músicos de São Paulo, sendo um dos grupos jovens mais antigos do Estado. Sua proposta de trabalho envolve a formação de cidadania dos músicos, que a partir dos 10 anos de idade estão inseridos em um ambiente favorável ao seu desenvolvimento, tanto como músicos, como quanto cidadãos. A presidente da Assec, Maria de Cassia Oliveira Vieira, destaca que são 23 anos de trabalho intenso, cujos resultados são vistos não somente nos palcos do Brasil e do mundo, mas também nas ruas da cidade. “Quando encontramos um músico que ainda toca, ou já tocou, na orquestra percebemos a importância e os resultados que Fila proporcionou para sua vida”, afirma.

O concerto “Rock Brasilis” tem o apoio cultural de Fundec e TV COM Sorocaba.

Serviço:
“Rock Brasilis”, com Orquestra Filarmônica Jovem de Sorocaba (Fila) e Banda Badini
Sábado (13), às 20h, e domingo (14), às 19h
Sala Fundec (rua Brigadeiro Tobias, 73, Centro)
Os ingressos custam R$30 (inteira) e R$15 (meia) e já estão à venda no local, 
das 8h às 18h. Os bilhetes remanescentes poderão ser adquiridos uma hora antes 
de seu início do espetáculo.

Fonte: Jornal Cruzeiro do Sul
Compartilhe.

Deixe uma resposta

17 + onze =