Orquestrando São Paulo lança novo curso, online e gratuito, para o aprimoramento de regentes

Google+PinterestLinkedInTumblr+

Após o sucesso do curso de Técnicas e Boas Práticas para Regentes do Orquestrando São Paulo, que está em sua 20ª turma, o SESI-SP lança agora o curso de Práticas de Desenvolvimento de Grupos Musicais.

Ao todo o curso terá 18 aulas voltadas para o desenvolvimento de grupos musicais com ênfase na afinação, articulação, qualidade sonora, precisão rítmica, percepção de conjunto, compreensão musical coletiva. É composto por dois módulos, sendo o primeiro mais teórico, contendo revisão das características e deficiências dos instrumentos e suas respectivas famílias; e o segundo módulo com as práticas rotineiras sugeridas para que os grupos possam gradativamente resolver suas deficiências.

O curso é gratuito e foi desenvolvido pelo maestro Edson Beltrami, regente da Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí. Conta com direção artística do maestro João Carlos Martins e tutoria do maestro Lucas Araújo. Na conclusão, todos os participantes receberão certificado emitido pelo SESI-SP, assinado pelo maestro João Carlos Martins.

As inscrições para a 1ª turma do curso de Práticas de Desenvolvimento de Grupos Musicais estão abertas e podem ser feitas pelo site https://orquestrando.sesisp.org.br/. Os músicos que já participaram da primeira etapa do curso podem se inscrever até o dia 2 de fevereiro. Já a inscrição de novos alunos acontecerá no período de 3 a 18 de fevereiro. O curso se iniciará no dia 22 de fevereiro e terá duração de três meses.

“Esse curso não contém uma fórmula definitiva na busca dos regentes pela perfeição de seus grupos, mas fornece material teórico e prático que, com certeza, auxiliará os regentes nessa busca”, explica o maestro Beltrami. Segundo ele, na prática, o curso visa provocar nos regentes a necessidade pela busca incessante de conhecimento, fornecendo material através do qual o regente poderá avaliar as necessidades técnicas específicas de seu grupo.

O maestro João Carlos Martins reforça a importância da capacitação dos regentes e destaca a qualidade do conteúdo oferecido no curso, que teve a primeira etapa iniciada em 2017, tendo já recebido mais de dois mil alunos. “Após o sucesso espetacular do nosso primeiro curso, o Sesi-SP ao lado do Orquestrando São Paulo e Orquestrando Brasil está lançando um segundo curso, que certamente, vai aprimorar a qualidade dos que fizeram a primeira etapa, e vai também atrair a atenção de outros músicos, não só do Brasil, como da América Latina. Assim sendo, me sinto orgulhoso de fazer parte desse processo”, disse.

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhe.

Deixe uma resposta

quinze + nove =