OSUFPB realiza seu 16º concerto da temporada com convidados especiais, em João Pessoa/PB

Google+PinterestLinkedInTumblr+

A regência fica sob a batuta o maestro peruano Fernando Ortiz Villate e como solista participa o trompista paraibano Radegundis Tavares

A OSUFPB – Orquestra Sinfônica da UFPB realiza seu décimo sexto concerto da temporada 2019 sob a batuta do maestro peruano Fernando Ortiz Villate e terá como solista, o trompista Radegundis Tavares. O evento acontece nesta sexta-feira, 18 de outubro, às 20h, na Sala de Concertos Radegundis Feitosa, que fica no Campus I da UFPB. A entrada é gratuita e aberta para o público de todas as idades.

Em seu anseio de se relacionar artisticamente com vários músicos e regentes do Brasil e do mundo, a OSUFPB convidou desta vez o maestro peruano Fernando Ortiz Villate, que, dentre outras experiências em sua formação, passou pelo Programa de Educação Musical El Sistema, da Venezuela, promovendo depois oficinas orquestrais e masterclass para a área da regência, instrumentação e trabalho coletivo, tendo a música como ferramenta de educação social. Fernando já esteve à frente de importantes orquestras em países como o Peru, Chile, Bolívia, México, Paraguai, Estados Unidos e no Brasil.

Para solista, o concerto conta ainda com a participação do trompista paraibano Radegundis Tavares, que interpretará o “Concerto n° 1 para trompa e cordas”, do compositor austríaco Joseph Haydn. O músico Radegundis Tavares possui título de doutor em música pela UFPB e é professor de Trompa na Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

O programa apresenta ainda o “Adagietto” (Sinfonia n° 5), de Gustav Mahler, “Vilcanota”, do peruano Armando Guevara Ochoa e “Idílio de Siegfried”, de Richard Wagner.

O concerto terá início às 20:00 horas e a OSUFPB recomenda que o público procure chegar sempre meia hora antes do início do concerto, para assistir uma pequena palestra proferida por um representante da Orquestra, com o objetivo de trazer informações sobre as obras apresentadas.

A OSUFPB

A OSUFPB é um equipamento cultural da UFPB pertencente ao Centro de Comunicação, Turismo e Artes e ligado aos Departamentos de Música e Educação Musical da instituição. A Orquestra tem finalidades pedagógicas que envolvem professores e alunos da UFPB, além de contribuir para a formação de plateia para o público pessoense. Atualmente conta vinte e um músicos fixos – todos de cordas – e com a participação eventual de professores e alunos dos cursos de música da UFPB, além de colaboradores voluntários da cena sinfônica paraibana.

Compartilhe.

Deixe uma resposta

um + 12 =