João Carlos Martins visita projetos do Instituto Boa Vista de Música, em Boa Vista/RR

Google+PinterestLinkedInTumblr+

O maestro João Carlos Martins e a equipe do Orquestrando o Brasil visitaram o polo Vila Olímpica Roberto Marinho do Instituto Boa Vista de Música (IBVM) nesta manhã (14), e conheceram as atividades musicais desenvolvidas no local. O instituto foi criado em 2005 pela prefeitura de Boa Vista, em parceria com a Fundação de Educação, Turismo, Esporte e Cultura (Fetec), com a finalidade de democratizar o ensino da música na cidade, e promover o desenvolvimento artístico cultural de crianças e adolescentes, de 7 a 22 anos.

Em três polos – além da Vila Olímpica, o IBVM tem o polo sede, na praça do Mirandinha e o polo Palco da Praça de Eventos Aderval da Rocha – o projeto atende gratuitamente, hoje, cerca de 800 alunos.

Na ocasião, os visitantes foram recepcionados pela Banda Juvenil do instituto, formada por 60 integrantes, entre músicos avançados e iniciantes.  A Orquestra de Violões e a Orquestra de Câmara também se apresentaram e receberam dicas do maestro João Carlos Martins, que fez questão de reger alguns trechos das músicas.

O maestro conheceu também o grupo de Flauta Doce e Coral Infantil, o primeiro acesso das crianças à musicalização dentro do Instituto. Atualmente cerca de 200 crianças de 8 a 10 anos, têm aulas teóricas e práticas diariamente. Segundo a professora Raiany Said, as orientações dadas pelo maestro ficarão para sempre na memória de todos. “Foi uma participação maravilhosa e uma oportunidade única para nós do maestro conhecer o nosso trabalho”, disse.

Para a aluna Rebeca Girele, estudante do IBVM há sete anos, foi um momento muito especial ser regida pelo maestro João Carlos Martins e receber orientações do seu ídolo. “Fiquei emocionada, ele é um grande incentivo para a gente, pois às vezes, pensamos em desistir de aprender música, mas nos inspiramos na história dele e pensamos… se ele conseguiu, nós também podemos”, disse a aluna que começou a estudar música com 6 anos e toca trompete em um dos projetos.

“A visita do maestro tem uma importância enorme para todos. O João Carlos Martins é um ícone importante da música erudita, um pianista de renome internacional, que todos os profissionais da música se espelham. Além disso, todas as barreiras que ele venceu, mostra que ele é um lutador, um vencedor e nos inspira todos os dias”, conclui o maestro e diretor musical do IBVM, Beany Cabrera.

Amanhã (15), às 20h, os músicos dos grupos ligados ao IBVM participam do concerto com o maestro João Carlos Martins, na Praça Fábio Paracat, Boa Vista/RR. Entrada gratuita.

 

 

 

 

Compartilhe.

Deixe uma resposta

quatro × 4 =