Orquestra Municipal de Jundiaí/SP leva música clássica a quase mil crianças nas escolas públicas da cidade

Google+PinterestLinkedInTumblr+

Com uma apresentação para mais de 320 alunos da Emeb Carlos Foot Guimarães, no Jardim Santa Gertrudes, o quarteto de Cordas da Orquestra Municipal de Jundiaí (OMJ) realizou na terça-feira (29), a última da série de apresentações descentralizadas pelas escolas da rede municipal.

Neste ano, 970 de crianças assistiram aos concertos descentralizados também realizados na Emeb Maria Angélica Lourençon (Corrupira), em outubro; na Emeb Luiz Bárbaro (vila Joana), em setembro; e na Emeb Flávio D’Angieri (vila Virgínia), em agosto.

O gestor da Unidade de Gestão de Cultura (UGC) reforça como a atividade está integrada às ações da plataforma de Educação e Cultura e do programa Escola Inovadora.

“Os concertos descentralizados da Orquestra são algo novo e têm recebido investimento, desenvolvidos para a formação de plateia para música erudita entre os alunos da rede municipal de ensino. Os músicos saem do palco do Polytheama e vão até as escolas, num processo formativo que pretendemos ampliar”.

A maestrina Claudia Feres, regente titular e diretora artística da OMJ, compartilha a experiência. “É uma delícia levar um pouco da Orquestra às escolas e observar os olhares atentos e curiosos de crianças tão pequenas para o mundo da música de concerto. Essa é uma forma de despertar nas crianças o interesse para as artes, fazendo com que fiquem um pouco mais familiarizadas com os instrumentos da orquestra”. O repertório dos concertos para os pequenos trouxe Mozart, Haydn, Strauss Jr. e trilhas de clássicos do cinema infantil.

Além da Orquestra Municipal, a Cia. Jovem de Dança e a Cia. de Teatro de Jundiaí também são corpos artísticos ligados ao Teatro Polytheama e se apresentam nas escolas da rede municipal de ensino, apresentando, respectivamente os espetáculos “Instagrimm” e “Robin Hood”.

Compartilhe.

Deixe uma resposta

9 + 9 =